Início Mercado Luís Filipe Vieira já tomou a decisão sobre Rui Vitória

Luís Filipe Vieira já tomou a decisão sobre Rui Vitória

3191
0
COMPARTILHE

Luís Filipe Vieira voltou sábado a marcar presença num jogo da equipa do Benfica, depois de ter falhado a presença no jogo da Liga dos Campeões, frente ao Ajax. Na primeira parte esteve na primeira fila da tribuna, entre Isaltino Morais e Rui Pedro Soares. Depois do intervalo não mais foi visto naquele lugar. Ao que se sabe o presidente não está agradado com o que se passa nos resultados da equipa, e está muito descontente com as últimas duas derrotas. a decisão será tomada já na seguinte semana.

Além de Rui Pedro Soares, no camarote do Jamor também esteve Pedro Proença, presidente da Liga, Isaltino Morais, edil de Oeiras, e outros responsáveis benfiquistas como o ‘vice’ Alcino António e Rui Cunha, vogal do Conselho Fiscal das águias.

Também os adeptos encarnados assobiaram muito a equipa e o treinador, ao intervalo, acabando mesmo por abandonar o Estádio Nacional, casa emprestada do Belenenses SAD, antes do recomeço da segunda parte. Alguns adeptos não gostaram desta atitude e começaram a assobiar os que desistiram a meio do jogo quando o resultado era desfavorável.

Recorde-se que o Benfica perdeu por 2-0 contra o Belenenses e falhou o assalto à liderança. O Benfica entrou a todo o gás e até aos 20 minutos só não estava a vencer pela inoperância atacante e pela exibição gigante de Muriel. Aliás, foi depois de o brasileiro do Belenenses ter defendido o penálti marcado por Salvio que a equipa de Rui Vitória recuou, mostrou fragilidades defensivas e desatenções nada habituais até agora.

FUTEBOL – Rui Vitoria, o treinador do Benfica, na conferencia de imprensa de antevisao do Benfica – Fenerbahce, jogo do Play Off da LIGA DOS CAMPEOES 2018/2019. Estadio da Luz, em Lisboa. Segunda Feira, 5 de Agosto de 2018. (Miguel Nunes/ASF)

O Belenenses subiu linhas e num lance aparentemente inofensivo Licá fugiu a todos e acabou derrubado na área por Odysseas quando este seguia para… a linha lateral. Eduardo fez o que Salvio não tinha conseguido e marcou o 1-0 para a equipa de Silas. Depois, a desorientação total das águias. Aos 42’, um buraco gigante no meio-campo permitiu a Eduardo – um dos melhores – galgar metros sem oposição para colocar em Keita, que voltou a enganar Odysseas.

O Benfica voltou do intervalo já com Jonas e de novo à procura do golo. O avançado brasileiro e Pizzi tiveram boas chances, mas de novo Muriel esteve insuperável. Depois, o Belenenses estendeu-se no campo e jogou com a intranquilidade das águias em querer chegar rápido a um golo que tardava.

Entrou Castillo, mais tarde Zivkovic, e o Benfica nunca conseguiu entrar no jogo. Apenas Rafa dava algumas sapatadas entre os encarnados desacreditados. Até final, foi mesmo o Belenenses que esteve mais perto de fazer o 3-0 do que o Benfica o 2-1.

Comentários